Imerys, Transform to perform

Minerais e Geologia

calcium%20carbonate[1]Propriedades e Produção

O carbonato de cálcio é encontrado na natureza em uma das três formas de estrutura cristalina mineral – calcita, aragonita e vaterita. O carbonato de cálcio compõe uma significativa proporção da crosta da Terra e assim, são encontrados depósitos comercialmente explorados em todo o mundo.  A maior parte dos depósitos de carbonato de cálcio é composta por restos de esqueletos de bilhões de animais marinhos e plantas que sedimentaram até o fundo do mar depois de sua morte.  Com as condições certas, estes sedimentos podem se acumular ao longo do tempo geológico e formar camadas espessas.

Movimentos geológicos posteriores associados à secagem dos oceanos podem deixar depósitos de cretáceo, tais como os encontrados na Grã-Bretanha e no Norte da França. Os depósitos de cretáceo tendem a ser compostos por rochas quebradiças que podem conter impurezas de solo e à base de argila e podem ter coloração variável. Se ocorrer mais compactação como resultado de uma sedimentação contínua e de processos geológicos, serão formados depósitos de calcário mais duros. Estes tendem a ser depósitos mais brancos e mais puros que os de cretáceo com impurezas concentradas na forma de sílex e outras fases minerais. Quando o calcário é submetido a condições extremas de temperatura e pressão – por exemplo, como resultado de atividade vulcânica – o calcário derrete e se recristaliza como mármore.  Em alguns casos, este processo natural produz mármore puro de uma brancura excepcional, como nos depósitos famosos em Carrara, na Itália.

minigeo1[1]minigeo2[1]minigeo3[1]

 

 

 

 

 

1. Movimentos geológicos combinados com a secagem de oceanos gera depósitos de cretáceo. Componentes de argila e do solo são depositados ao longo do tempo, e alguns penetram no cretáceo. 2. Uma compactação menor por sedimentos tardios fica endurecida com a formação de sílex. Alguma compactação ocorre para gerar um calcário mais duro. 3. A atividade vulcânica leva ao derretimento e à recristalização na forma de mármore.

Os depósitos de carbonato de cálcio podem ser encontrados na maioria dos países. A qualidade dos depósitos e o processamento, no entanto, pode ser variável. Uma compreensão aprofundada da geologia associada ao processamento correto (britagem, moagem, classificação e modificação da superfície) do carbonato de cálcio é essencial para obter as propriedades corretas do produto. A Imerys combina materiais de alta qualidade, técnicas de processamento de ponta e conhecimento aprofundado do mercado para gerar um amplo portfólio de produtos de carbonato de cálcio natural (GCC) para uma ampla gama de aplicações industriais, incluindo aquelas adaptadas para as indústrias de construção civil, de papel, tinta, plásticos, filme, adesivos e borracha.

Além de GCC, a Imerys também produz uma variedade de materiais de carbonato de cálcio precipitado (PCC).  O PCC é produzido por meio de um processo de reação química que utiliza o óxido de cálcio (cal virgem), água e dióxido de carbono. Esta reação produz cristais de carbonato de cálcio muito puros que podem ser adaptados a uma variedade de diferentes formatos e tamanhos, dependendo das condições específicas usadas para a reação.  A Imerys produz uma ampla gama de produtos de PCC caracterizados por um formato de partícula específico, uma distribuição granulométrica e propriedades ópticas. Nossos sistemas de controle de processo garantem um produto consistente e de alta qualidade que atende as necessidades do cliente.

Independente de qual for sua necessidade relacionada ao carbonato de cálcio, a Imerys pode oferecer soluções em produtos especializadas para você.

Breve descrição – Calcita

Aparência do produto: Granular, pó branco fino e inodoro

Formato da partícula: Blocos (romboédrico)

Fórmula molecular: CaCO3

Massa molar (g.mol-1): ~100

Gravidade específica (g.cm-3): 2,72

Índice de refração: 1,59

Dureza Mohs: 3